Existem grandes vantagens do uso da acupuntura na gravidez. Em primeiro lugar a acupuntura não tem efeitos secundários e não afeta o bebé (desde que feita por um profissional qualificado) e em segundo lugar a acupuntura tem um efeito clinico (apesar de existirem disputas cientificas) positivo em algumas queixas comuns em grávidas como seja quadros álgicos (dor), bebé pélvico, como provável facilitador do trabalho de parto, insónia, entre outros.

Vantagens da acupuntura na gravidez:

Vómitos e enjoos: de acordo com alguns trabalhos na biologia evolutiva o vômito na gravidez é uma estratégia de defesa do feto contra alimentos tóxicos contra os quais ele não tem defesas. Vários factos sustentam esta tese:

(1) as náuseas e vômitos são mais intensos na fase inicial da gravidez quando o feto é mais susceptível

(2) alimentos mais amargos e condimentados são os que tem maior probabilidade de provocar um aborto

(3) alimentos mais amargos e condimentados tem mais probabilidade de provocar vômitos e enjoos.

(4) maior prevalência de abortos em mulheres que não sofreram enjoos ou vômitos.

(5) o corpo da mulher adapta-se para eliminar toxinas mais eficazmente: intestinos trabalham mais lentamente, fluxo sanguíneo para os rins aumenta, fígado eleva produção de enzimas, o nariz torna-se mais sensível a cheiros.

(6) em alguns casos o desejo de comer argila é explicado pelo facto da argila reduzir absorção de toxinas para a corrente sanguínea. Ou seja, regra geral não se tratam os vômitos e os enjoos.

Mas obviamente que se se tornar um sintoma muito problemático terá de ser abordado por parte do médico. Ou do acupuntor. A acupuntura pode ajudar a aliviar vômitos e enjoos durante a gravidez podendo tentar substituir-se, ou diminuir, medicamentos ocidentais. No entanto não deve alterar a sua medicação sem um trabalho conjunto do seu médico com o seu acupuntor.

Dor: Tratamento de lombalgias, ciática, dor de cabeça, tensão muscular em grávidas com acupuntura melhora a qualidade de vida da grávida e pode, em alguns casos, substituir medicação mais agressiva.

Insônia e ansiedade: Regra geral a gravidez provoca sonolência. Mas algumas mulheres grávidas sofrem de insónia. A acupuntura na gravidez pode e deve ser direcionada para o tratamento deste sintoma.

A acupuntura na gravidez também pode ser usada para aliviar a ansiedade da mulher grávida. Através da mãe é possível ajudar a relaxar o feto e favorecer o seu desenvolvimento.

A acupuntura na gravidez trata bebê pélvico: Existem pontos de acupuntura e técnicas que podem ser feitas em casa pela grávida para virar o bebê sentado. Estes tratamentos devem começar a ser feitos pelo final do 7º mês de gravidez e 8º mês de gravidez de forma a virar o bebé sentado e preparar o parto.

Trabalho de parto: a acupuntura na gravidez pode ser bastante útil para ajudar a diminuir as dores de parto e facilitar o trabalho de parto.

Além de ser usada na gestação a acupuntura também pode ser usada após a gestação. Mas isso é outro artigo.